21/05/2024

Prefeitura de São Luís celebra Dia Municipal dos Blocos Tradicionais com lançamento de livro e apresentações de agremiações

A Prefeitura de São Luís, por meio da Fundação Municipal de Patrimônio Histórico (Fumph) e a Secretaria Municipal de Cultura (Secult), prepara uma grande celebração, nesta quarta-feira (8), a partir das 19h, na sede da Fumph (Rua Portugal, 285, Praia Grande), em comemoração ao Dia Municipal dos Blocos Tradicionais.

Integram a programação, o lançamento do livro “Paixão ao Toque da Retinta – 50 anos de tradição no carnaval do Maranhão”, de autoria do mestre Paulo Salaia, fundador do Bloco Os Feras e falecido em 2023. A noite contará ainda com a participação da Academia de Blocos Tradicionais do Estado do Maranhão e da Associação Maranhense dos Blocos Carnavalescos, que serão representadas por 33 agremiações de Blocos Tradicionais, promovendo um espetáculo inesquecível para o público.

O livro, publicado pela Fumph, narra a história dos Blocos Tradicionais, baseado em um vasto acervo compilado pelo mestre Paulo Salaia ao longo de cinco décadas, complementado por depoimentos de outros guardiões desta tradição.

Instituída por meio da Lei 4.698/2006, o Dia Municipal dos Blocos Tradicionais já faz parte do calendário cultural da cidade. A data escolhida para homenagear a manifestação coincide com o aniversário do saudoso mestre Walmir Moraes Corrêa, fundador do Bloco Tradicional Os Foliões e figura de destaque no Carnaval maranhense.

Blocos

Os Blocos Tradicionais são uma parte intrínseca da identidade cultural de São Luís, trazendo alegria e vitalidade aos carnavais da Ilha desde a década de 1920. Sua cadência rítmica única é resultado da fusão de uma ampla gama de instrumentos, como tambores contratempo, retintas, cabaças, reco-recos, agogôs, ganzás, maracás, rocas, apitos e afoxés. Mais recentemente, instrumentos de corda como banjo, violão e cavaquinho também foram incorporados, enriquecendo ainda mais os diversos estilos musicais presentes nos desfiles dos Blocos Tradicionais.

Cada Bloco Tradicional possui um figurino distinto, caracterizado por sua exuberância e opulência em cangas, mantos, golas, chapéus, camisões, perneiras ou botas. Antigamente, as vestimentas incluíam calças e blusas de meia ou fofões de cetim, refletindo a evolução estilística ao longo dos anos.

Serviço

O quê: Celebração pelo Dia Municipal do Bloco Tradicional e lançamento do livro “Paixão ao Toque da Retinta – 50 anos de tradição no carnaval do Maranhão”, do Mestre Paulo Salaia

Quando: Quarta-feira, dia 8 de maio de 2024, às 19h

Onde: Fundação Municipal de Patrimônio Histórico, Rua Portugal, 285, Praia Grande