23/05/2024
Sem categoria

“Boi Contou” destaca lançamento de livro, documentário e exposição sobre boi de zabumba

A pesquisadora cultural Ana Stela Cunha, do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa, lança em São Luís livros e documentários resultados de estudo de pesquisa do bumba-meu-boi sotaque de zabumba, mais especificamente sobre o Boi de Guimarães. A programação acontecerá no período de 28 de junho a 3 de julho.

Com o tema “O Boi Contou”, o projeto da pesquisadora foi selecionado e patrocinado pelo programa Petrobras Cultural, na área de Educação para as artes, visando a formação de educadores por meio de oficinas e reflexões sobre a cultura brasileira e, em especial, a cultura local de Guimarães, na baixada maranhense.

Como registro dos trabalhos, o projeto conta com a produção e distribuição de materiais (livro e documentário) para estudiosos e o público em geral, possibilitando o acesso às mais variadas expressões da cultura afro-brasileira e da arte produzidas no Maranhão.

O projeto contribui para preservar a memória e promover o acesso às novas gerações, reafirmando o compromisso com o futuro. Ao ser finalizado, o projeto “O Boi Contou” será mostrado nas comemorações de 40 anos do Bumba-boi de Guimarães por meio de uma programação que terá mesas redondas, exposições, lançamento de livros, debates e projeção do documentário.

A programação de lançamento tem apoio da Secretaria de Estado de Cultura (Secma) e terá nesta terça-feira (28), às 16h, no Centro de Cultura Popular Domingos Vieira Filho (Rua do Giz, Praia Grande) o lançamento do livro “Construindo Quilombos, desconstruindo Mitos: A Educação Formal e a Realidade Quilombola no Brasil”.

Na quarta-feira (29), às 16h, na Casa de Nhozinho (Rua Portugal 185-Praia Grande), será aberta a exposição “O Olhar de Dentro”, com fotos feitas pelos brincantes do bumba-meu-boi de Guimarães, ao longo da realização do projeto, organizada pelos pesquisadores Ana Stela Cunha e Thiago Ribeiro, com participação do Tambor de Crioula Louvor a São Benedito e do Bumba-meu-boi de Guimarães.

Na sexta-feira (1º), no Centro de Cultura popular Domingos Vieira Filho, às 16h, haverá o lançamento do livro e documentário “Boi de Zabumba é a nossa tradição”, que traz conversas com mestres da cultura popular, boieiros, artistas, professores e pesquisadores de cultura popular. No sábado (2) e domingo (3), às 18h, haverá projeção do documentário “Boi de Zabumba é a nossa tradição”, na Casa de Nhozinho, na Praia Grande.

PROGRAMAÇÃO

TERÇA-FEIRA (28)

16h – Lançamento do livro “Construindo Quilombos, desconstruindo Mitos: A Educação Formal e a Realidade Quilombola no Brasil”. Local: Centro de Cultura Popular Domingos Vieira Filho (Rua do Giz, Praia Grande)

QUARTA-FEIRA (29)

16h – Abertura da exposição “O Olhar de Dentro”, com fotos feitas pelos brincantes do Bumba-meu-boi de Guimarães. Organização dos pesquisadores Ana Stela Cunha e Thiago Ribeiro. Participação do Tambor de Crioula Louvor a São Benedito e do Bumba-meu-boi de Guimarães. Local: Casa de Nhozinho (Rua Portugal 185-Praia Grande)

SEXTA-FEIRA (1º)

16h – Lançamento do livro e documentário “Boi de Zabumba é a nossa tradição”, que traz conversas com mestres da cultura popular, boieiros, artistas, professores e pesquisadores de cultura popular. Local: Centro de Cultura popular Domingos Vieira Filho (Rua do Giz, Praia Grande)

SÁBADO (2)

18h – Exibição do documentário “Boi de Zabumba é a nossa tradição”. Local: Casa de Nhozinho (Rua Portugal, Praia Grande)

DOMINGO (3)

18h – Exibição do documentário “Boi de Zabumba é a nossa tradição”. Local: Casa de Nhozinho (Rua Portugal, Praia Grande)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.