19/04/2024

Companhia Barrica conclui temporada  junina com programação nesta sexta-feira

A Companhia Barrica do Maranhão realiza, na noite desta sexta-feira (21), na Casa Barrica, na Madre Deus, programação festiva para marcar o encerramento da agenda do Boizinho Barrica na temporada junina 2023. A entrada é um quilo de alimento não perecível, a ser entregue ao projeto ‘Fazenda Esperança’, que acolhe dependentes químicos. As reservas podem ser feitas por meio de um link a ser disponibilizado no perfil da Companhia Barrica no Instagram (@companhiabarrica).

O evento será marcado pela gravação em áudio e vídeo do mesmo espetáculo apresentado nos arraiais entre os meses de maio e junho deste ano, sendo uma oportunidade para que quem não viu possa prestigiar a beleza da proposta. O espetáculo será apresentado por cerca de 140 integrantes usando figurinos tradicionais.

O musical, interpretado pelos cantores Inácio Pinheiro e Roberto Brandão, apresenta composições de Luís Bulcão, Raimundo Makarra, Wellington Reis, Juca do Bolo e do próprio Godão, responsável também pela criação e direção artística do espetáculo, tendo Gordo Elinaldo como diretor musical e Raul Silva como coreógrafo desse grande elenco mobilizado para a temporada 2023.

O grupo, que protagonizou mais de 60 apresentações e foi um dos mais aplaudidos ao longo da programação junina em São Luís, promoverá recreação infantil e apresentará o espetáculo ‘A Festança no Céu do Amor Barrica Transcendental”, com um passeio pelos variados sotaques do bumba meu boi e toda a sua tradição.

Além disso, o evento reunirá o elenco em uma grande confraternização regada à batida do forró nordestino, coroando o resultado positivo da gloriosa participação do Boizinho Barrica em uma das mais esperadas festas do calendário maranhense.

Segundo José Pereira Godão, diretor do grupo, o material produzido ficará disponível na página da companhia no YouTube. “O espetáculo abarca 16 músicas. Nesse espetáculo, nós apresentamos toda a poética Barrica, ou seja, a histórica de um boizinho à procura de uma estrela mitológica e que, nas noites de São João, surge no céu da Ilha do Amor em busca de vivenciar essa linda festa popular”, resume Godão.