19/04/2024
Sem categoria

Elaboração de Plano do Livro, Leitura, Literatura e Biblioteca será discutida em audiência na Câmara

Bibliotecários, escritores e agentes culturais do segmento de mediação do livro, leitura, literatura e bibliotecas participam, nesta quarta-feira (10), às 10h, na Câmara Municipal de São Luís, de audiência pública que irá debater a elaboração do Plano Municipal do Livro, Leitura e Bibliotecas de São Luís (PMLLLB).
Todo o processo de elaboração do plano está sendo acompanhado por representantes da Biblioteca Municipal José Sarney, equipamento cultural da Prefeitura, e da sociedade civil, por meio da Rede Leitora Terra das Palmeiras, integrantes do Fórum Permanente do Livro e da Leitura do Maranhão.
O Plano tem o objetivo de estabelecer políticas públicas de maior acesso aos livros, com inclusão de todos, promovendo integração entre escolas, bibliotecas e demais espaços, com promoção e formação de mediadores na cadeia produtiva entre escritores, editores, leitores e livreiros, tendo como base os eixos do Plano Nacional do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas (PNLLLB).

De acordo com a coordenadora da Biblioteca Municipal, Rita Oliveira, o momento é de articulação e mobilização do setor. “Com a criação do Fórum, estamos trabalhando nesse processo de mobilização para a criação do Plano, alinhados com o Plano Nacional do Livro, Leitura, Literatura e Biblioteca. O fórum é um espaço democrático de discussão e é importante que os principais articuladores das políticas públicas de leitura estejam presentes nesse momento”, explicou.

No dia 20 de maio, o grupo realizou um abraço literário no entorno da Câmara. Na última quarta-feira (3), foi realizado, no auditório da Livraria Paulus, um bate papo com escritores maranhenses. Após a audiência, o grupo que compõe o Fórum passará para a etapa de elaboração do texto do plano. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.