13/06/2024

Curtas-metragens maranhenses concorrem a R$ 15 mil no Festival Guarnicê de Cinema

A edição 47 do Festival Guarnicê de Cinema – o mais longevo do Norte e Nordeste e um dos mais tradicionais do país -, que acontecerá entre os dias 7 e 14 de junho, contará com uma parceria inédita com a Itaú Cultural Play. Neste ano, a plataforma de streaming do Itaú Cultural vai contemplar com R$ 15 mil um dos 12 curtas-metragens maranhenses selecionados para as mostras competitivas do festival, com licenciamento da produção para a Itaú Cultural Play pelo período de 24 meses.

O anúncio do vencedor do Prêmio Itaú Cultural Play acontecerá no dia 14 de junho, na noite de premiações do Guarnicê. O valor é um dos mais expressivos da história da competitiva maranhense do festival.

Para a coordenadora do festival, Rosélis Barbosa Câmara, “a parceria com a Itaú Cultural Play contribui imensamente para a valorização e o reconhecimento do cinema maranhense, além de destacar o importante trabalho que o Guarnicê tem feito há 47 anos’’.

André Furtado, gerente de Criação e Plataformas do Itaú Cultural, destaca que o Prêmio Itaú Cultural Play foi criado para promover narrativas autênticas, plurais e representativas sobre a identidade do país. “A proposta é aproximar o público de uma produção que se conecta com nosso olhar curatorial, baseado em valores como diversidade regional, de gênero e de raça, singularidade, relevância temática e qualidade artística”, complementa.

Os curtas maranhenses que disputam a premiação são:

Antes de Partir – Direção de Sheury Manu Neves – MA – Ficção/Drama – Livre

Clair de Lune – Direção de Laísa Couto – MA – Ficção – 18 anos

É só Contar – Direção de Werbeth Pereira, Victor Cravin, Joelma Baldez, Cledilson Rocha, Hemylly Mendes – MA – Ficção/Romance/Drama – 14 anos

Entre a Fé e a Tradição: Tenda de Senhor Ogum – Direção de Cláudia Marreiros – MA – Documentário – 12 anos

Gonçalves Dias por Gonçalves Dias – Direção de Joaquim Haickel e Beto Nicácio – MA – Ficção/Animação – Livre

João de Una tem um Boi – Direção de Pablo Monteiro e LAB+SLZ/ LabMais SESC MA – MA – Documentário – Livre

Maria Parteira – Direção de Marla Silveira – MA – Documentário – Livre

Mar.Ina – Direção de Samyre Protázio, Renata Costa, Profana Vieira , Marcelo, Almeida, David Silva, Valdenira Baima, Allan Pereira, Jeyci Elizabeth Sousa – MA – Ficção – Livre

Mariô – Direção de Brena Maria e Cadu Marques – MA – Experimental – Livre

Putas Mulheres – Direção de Dário Gilson – MA – Documentário – 16 anos

Troncos – Direção de Marcelo Cruz – MA – Documentário – Livre

XXXX – Direção de Taíssa Monteiro – MA – Trash/Drama – 14 anos

Além do Prêmio Itaú Cultural Play, concedido por júri composto pela própria instituição, os curtas maranhenses vão concorrer, ainda, ao Prêmio Assembleia Legislativa do Maranhão, em três categorias, cada uma com um valor de dez salários mínimos dedutíveis de impostos: melhor longa-metragem, melhor curta-metragem e melhor longa ou curta-metragem eleito por júri popular.

Guarnicê na Itaú Cultural Play

Também no dia 14 de junho, quando o festival finaliza sua programação presencial, em São Luís, entrará no ar na Itaú Cultural Play uma mostra com sete curtas-metragens nacionais e maranhenses participantes do Guarnicê neste ano. As produções ficarão disponíveis on-line até dia 30 de junho e se juntarão a um catálogo de mais de 360 produções brasileiras de diversos gêneros, formatos e épocas, ofertados gratuitamente pelo streaming do Itaú Cultural.

A mostra do Festival Guarnicê na IC Play será composta pelos curtas:

Bença – Direção de Mano Cappu – PR – Ficção, 15min, 2023 – 12 anos

Deixa – Direção de Mariana Jaspe – RJ – Ficção/Drama, 15min, 2023 – 16 anos

João de Una tem um Boi – Direção de Pablo Monteiro e LAB+SLZ/ LabMais SESC MA – MA – Documentário, 24min, 2024 – Livre

Jussara – Direção de Camila Ribeiro – BA – Animação/Fantástico, 9min, 2023 – Livre

Maria Parteira – Direção de Marla Silveira – MA – Documentário, 17min, 2024 – Livre

Não Existem Mártires, Apenas Marketing – Direção de João Luciano – MA – Ficção/Distopia, 16min, 2024 – 10 anos

Pirenopolynda – Direção de Tita Maravilha, Izzi Vitório e Bruno Victor – GO/DF/CE – Documentário, 23min, 2023 – 14 anos

Saiba mais

O Festival Guarnicê de Cinema 2024 – Edição 47 ocorre entre os dias 07 e 14 de junho, durante os festejos juninos do Maranhão. A programação será realizada de modo híbrido, com programação presencial em São Luís e virtual pelo site guarnice.ufma.br e aplicativo Cine Guarnicê. O festival exibirá cerca de 200 produções, entre filmes de longa e curta duração, videoclipes e jogos digitais. Além de exibições, o festival promove ações formativas como oficinas, palestras e cursos.