08/12/2023

Sampaio enfrenta a Ponte Preta-SP nesta quarta (24) no Castelão

Nesta quarta-feira (24), o duelo entre Sampaio Corrêa e Ponte Preta coloca frente a frente dois adversários com uma situação parecida no Campeonato Brasileiro da Série B: precisam vencer para respirar longe da zona de rebaixamento.

A partir das 21h30 a bola rola no Estádio Governador João Castelo, em São Luís, para o boliviano, que está na 13ª colocação da tabela e quer manter distância da Macaca, primeira na lista do Z4, com dois pontos separando as equipes.

Depois que mudou sua comissão técnica, o Sampaio Corrêa vem esboçando uma reação. Em quatro jogos com o técnico Evaristo Piza, o time conquistou dois pontos, enquanto o período ‘pós-Piza’ foram seis pontos, sendo duas vitórias, em três jogos. Desde que Márcio Fernandes assumiu, o time perdeu para o Guarani e venceu o ABC.

Mesmo em uma situação melhor do que a inicial, o tricolor segue em alerta, já que um resultado negativo na oitava rodada pode colocar o time maranhense na zona de rebaixamento.

O treinador comentou sobre o último resultado conquistado no Maranhão: “A equipe estava precisando dessa vitória para que pudesse ganhar confiança, as vitórias vindo a confiança vai aumentar, a gente sabe que ainda tem muita coisa para melhorar, mas a vitória já é um grande passo”.

Depois de conquistar o título do Campeonato Paulista A2 e o acesso para a primeira divisão do futebol paulista, a Ponte Preta vive o pior momento da temporada. Com a saída do treinador Hélio dos Anjos, o interino Felipe Moreira foi mantido, mas até o momento os resultados vem sendo decepcionantes.

O título da A2 veio com dois empates, e nos sete compromissos seguintes, referentes à Série B, a Macaca só teve uma vitória, além de três empates e três derrotas. O gol de Jeh aos 45 minutos do segundo tempo no dérbi contra o Guarani deu uma esperança de um cenário melhor, mas o time sofreu o empate nos acréscimos e segue sem vencer há três jogos.

Na zona de rebaixamento, a Ponte vai para o quarto confronto fora de casa na competição diante do Sampaio Corrêa, situação essa que se mostra bem adversa, já que jogando fora de Campinas o time marcou apenas um gol e sofreu sete em três partidas.

Fonte: Futebol Interior