18/04/2024
Sem categoria

Câmara aprova lei que institui programa para redução de acidentes com motos


O Plenário da Câmara Municipal de São Luís pode concluir, essa semana, a votação do projeto de lei que institui o “Programa Motoqueiro Ideal”. De autoria da vereadora Barbara Soeiro (PMN), a proposta que foi aprovada, em primeiro turno, na última terça-feira (2), pretende ajudar na redução do número de mortes em acidentes com motocicletas na capital maranhense.  Presidente da Comissão de Direitos Humanos da Casa, Barbara Soeiro disse que a proposta tem como objetivo desenvolver ações preventivas e educacionais visando diminuir o alto índice de vítimas fatais em acidentes com motos em São Luís.

— A iniciativa do Motoqueiro Ideal tem por objetivo a adoção de medidas objetivando a realização de ações preventivas e educacionais visando diminuir os índices no número de mortes em acidentes com motos em nossa cidade, — declarou a parlamentar. Segundo Barbara Soeiro, ao apresentar o projeto na Câmara, ela usou como base o Mapa da Violência 2013, que mostrou que 51% dos mortos em acidentes de trânsito no Maranhão são vítimas de fatalidades envolvendo motocicletas. Em São Luís, segundo a vereadora, o número de acidentes envolvendo motos no primeiro trimestre de 2011 foi praticamente o mesmo do registrado no mesmo período do ano anterior.
— De janeiro a março de 2011, foram registrados 268 acidentes com sete mortes. Em 2010, no mesmo período, foram 269 acidentes e cinco óbitos. Com a aprovação do projeto de lei que institui o “Programa Motoqueiro Ideal”, podemos, quem sabe, ajudar a diminuir esse índice em nossa cidade, — informou. Ainda de acordo com os dados do Mapa da Violência, de janeiro a julho de 2013, o Sistema Único de Saúde (SUS) destinou R$ 8,1 milhões para o tratamento de 9.604 vítimas de acidente de trânsito no Estado. No Brasil, no mesmo período, foram gastos R$ 210.155 mil, em 160.122 atendimentos.
A proposta que pretende ajudar na redução do número de mortes em acidentes com motos na capital, volta à pauta da Casa de Leis, nesta semana. O texto do projeto assegura ao condutor de moto que durante o período de um ano não tiver provocado nenhum acidente, um prêmio de ‘boa conduta’ e um certificado de ‘nada consta’, além de outros benefícios para dependentes de condutores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.