24/02/2024
Sem categoria

Escolas de samba correm contra o tempo para preparar o desfile.

ALTERNATIVO – O ESTADO DO MARANHÃO DO DIA 22 DE JANEIRO

A programação oficial do Carnaval 2012 em São Luís foi aberta na sexta-feira, dia 20, quando aconteceram o Baile da Corte, que elegeu o Rei Momo e a Rainha do Carnaval deste ano, promovido pela Prefeitura de São Luís, e o primeiro desfile de cortejos de brincadeiras carnavalescas da Praça Deodoro à Praia Grande, realizado pelo Governo do Estado. A programação na Passarela do Samba será aberta dia 16 de fevereiro, e as escolas de samba desfilarão nos dias 19 e 20. Nos barracões, as escolas já começam a correr contra o tempo e as dificuldades, para confeccionar alegorias e fantasias.

Com o tema Carnaval de São Luís – 400 vezes mais feliz, a Prefeitura abriu oficialmente, na sexta-feira, a temporada carnavalesca na capital, com os tradicionais bailes da Corte, dos Artistas e do Êre, tendo como palco da folia o Circo Cultural Nelson Brito, no Aterro do Bacanga. Foram eleitos o Rei Momo, a Rainha e as Princesas do Carnaval 2012. Ontem, aconteceu a 7ª edição do Baile dos Artistas, e hoje a festa é da criançada, com o Baile do Erê, a partir das 17h. A Prefeitura prossegue com sua programação carnavalesca a partir do dia 16 de fevereiro, quando terão início os desfiles na Passarela do Samba, no Anel Viário.

Trabalho nos barracões – As escolas de samba da capital se apresentarão nos dias 19 e 20 de fevereiro, levando para a avenida os 400 anos de São Luís, contados sob a ótica do espetáculo carnavalesco. De acordo com a programação, que já foi definida pelo Município, a Unidos de Fátima será a primeira escola a desfilar, mas no barracão da agremiação, no Bairro de Fátima, os trabalhos ainda não começaram. A turma, que não se apresentou no ano passado por falta de recursos, garante que este ano não ficará de fora da folia de Momo.

“Vamos apresentar um enredo que trata do teatro em São Luís. Assim que a Prefeitura liberar a verba que nos prometeu, aceleraremos a confecção das fantasias”, disse Ribão d´Oludô, um dos compositores da escola. O mesmo problema enfrenta a Mocidade da Ilha, na Cohab, que também não se apresentou no Carnaval 2011.

Em razão do quarto centenário de São Luís, que será comemorado este ano, a Fundação Municipal de Cultura (Func) sugeriu às 11 agremiações do carnaval ludovicense que apresentassem enredos que homenageassem a cidade, sob o tema 400 anos de história contados em ritmo de Carnaval. Para garantir a qualidade das alegorias, cada escola receberá R$ 40 mil do Fundo Municipal de Cultura, criado este ano pelo Município. Segundo a Func, o apoio será repassado a todas as agremiações que desfilarão no Carnaval.

Para ter acesso ao benefício, as agremiações deverão cumprir algumas determinações, como apresentar documentação regularizada da entidade, o projeto desenvolvido para 2012 com informações sobre o tema, o enredo e roteiro do desfile, apresentar letra do samba e ficha técnica. O pagamento será efetuado diretamente na conta bancária da entidade contemplada, garantindo assim a lisura do apoio e facilidade na prestação de contas. A primeira parcela do pagamento deveria ter sido efetuada na sexta-feira, dia 20, o que não aconteceu, segundo a Unidos de Fátima. De acordo com a Func, os recursos não foram repassados porque as escolas ainda não cumpriram todas as determinações impostas pela fundação.

Nas escolas Flor do Samba, no Desterro; Império Serrano, no Monte Castelo; Turma da Mangueira, no João Paulo, Unidos de Ribamar, em São José de Ribamar; Terrestre do Samba, na Estiva, e Túnel do Sacavém, na Vila Palmeira, os trabalhos também estão dependendo da verba que será repassada pela Prefeitura. Por enquanto, estão sendo feitos apenas os desenhos dos figurinos, adereços, alegorias e fantasias. No barracão da Escola Marambaia do Samba, no Bairro de Fátima, adereços e encaixes para os carros também já estão sendo feitos. Vice-campeã do Carnaval 2011, a escola trabalha desde o início de janeiro, visando ao título da Folia de Momo em 2012.

Adiantadas – Nas escolas com mais recursos, os trabalhos estão em andamento e algumas já falam em ter tudo pronto até a primeira semana de fevereiro. É o caso da Favela do Samba, no Sacavém, que desde 2006 conquista todos os títulos de campeã do Carnaval de São Luís. Segundo o patrono da escola, Renato Dionísio, as fantasias já estão prontas e a partir desta semana começa a construção dos carros-alegóricos. “Estamos trabalhando há três meses, desenvolvendo o enredo, confeccionando as fantasias, ensaiando para não cometer erros no desfile. Pelo nosso cronograma, até o dia 7 de fevereiro tudo estará pronto”, afirmou.

Quem também está com os trabalhos adiantados é a Turma do Quinto, na Madre Deus, escola com o maior número de campeonatos do Carnaval ludovicense. Recentemente, a escola mudou para um barracão maior para poder trabalhar com mais facilidade. “Desde agosto, estamos trabalhando em nosso enredo, pesquisando o tema, procurando material. A montagem dos adereços e alegorias será concluída pelo menos uma semana antes do dia do desfile”, garantiu Sebastião Cardoso Júnior, carnavalesco da escola.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.