21/05/2024

Morre em São Luís, Terezinha Rêgo, referência em pesquisa fitoterápica no Maranhão Redação 1 3 de maio de 2024

Faleceu na madrugada desta sexta-feira, 3, no UDI hospital, em São Luís, aos 91 anos, a professora maranhense e fitoterapeuta Terezinha Rêgo. Ela estava internada há aproximadamente uma semana após sofrer uma queda em casa que gerou um trauma na face, além de outras lesões e também foi diagnosticada com pneumonia .Referência em pesquisas fitoterápicas no estado, Terezinha dedicou quase 60 anos de sua vida à flora medicinal maranhense.

Doutora em Botânica, a professora era membro fundadora da Academia Maranhense de Ciências; Livre Docente em Botânica Geral, permaneceu três anos na Universidade de São Paulo (USP), como bolsista da Capes, onde concluiu sua tese defendida em 1977 na Universidade Federal do Maranhão; foi eleita, em Cuba, representante de Etnobotânica junto à América Latina, de 1990 a 1994; representa no Maranhão a Sociedade Botânica do Brasil; fundou o herbário Ático Seabra; coordenou o Polo de Biotecnologia do Maranhão (MAR-BIO); foi professora titular do Departamento de Farmácia da UFMA e coordenava projetos de fitoterapia em comunidades carentes do Maranhão por meio do programa estadual Farmácia Viva.

O velório de Terezinha Rêgo está foi realizado na unidade do Salvatore no bairro Calhau em São Luís e o corpo foi  cremado na tarde de hoje, 3.