21/05/2024
Sem categoria

São Luís recebe a edição itinerante do Prêmio da Música Brasileira

A música abraça todos os universos! E é com esse pensamento que o Prêmio da Música Brasileira chega à sua 22ª edição.Neste ano, o prêmio inova e vai levar um show com músicas do homenageado Noel Rosa para seis cidades brasileiras. São Luís será uma delas, recebendo a premiação no dia 13 de Julho, no Teatro Arthur Azevedo.

Entre os convidados que passarão pela turnê estão: Arlindo Cruz, Lenine, Sandra de Sá e Zelia Duncan. No repertório dos artistas somente canções de autoria de Noel Rosa, como Com que Roupa, Quando o Samba Acabou, O Gago Apaixonado e Pierrot Apaixonado.

O prêmio contará ainda com a participação de artistas convidados por região, em São Luís, Flavia Bittencourt e Noesly também apresentarão seu show.

Confira as datas, locais e convidados por região da 22° Edição do Prêmio de Música Brasileira:

13 julho – São Luís (MA) – Teatro Arthur Azevedo – Flavia Bittencourt e Noesly
15 julho – Carajás (PA) – Cine Teatro Vale – Convidado a definir
18 julho – Belém (PA) – Teatro Maria Sylvia Nunes – Lucinnha Bastos
21 julho – São Paulo (SP) – Citibank Hall – Marcelo Jeneci
24 julho – Vitória (ES) – Teatro da UFES – Tamy
27 julho – Belo Horizonte (MG) – Teatro SESI Minas – Vander Lee

+ Sobre o Prêmio de Música Brasileira:

Lançada em 1987, a premiação incentiva a descoberta de talentos e premia artistas consagrados e novos. Faz isso celebrando a música nacional: a cada ano, homenageia um artista brasileiro.

Vinicius de Moraes, Dorival Caymmi, Maysa, Elizeth Cardoso, Luiz Gonzaga, Ângela Maria & Cauby Peixoto, Gilberto Gil, Elis Regina, Milton Nascimento, Rita Lee, Jackson do Pandeiro, Maria Bethânia, Gal Costa, Ary Barroso, Lulu Santos, Baden Powell, Jair Rodrigues, Zé Kéti e Dominguinhos, Clara Nunes, D. Ivone Lara já foram relembrados no Prêmio. Um time plural como a música brasileira.

Um conselho – formado por Gilberto Gil, João Bosco, Yamandú Costa, Wanderlea, Zuza Homem de Mello, Antonio Carlos Miguel e pelo idealizador do Prêmio, José Maurício Machline – determina o regulamento, o homenageado e o os 26 jurados que formarão o júri a cada edição. São críticos, jornalistas e músicos que definem os selecionados e os três finalistas: ao todo, são 111 indicados. O resultado é revelado na festa de entrega, numa noite sempre emocionante.
te joga!

FONTE: http://www.alexpalhano.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.