22/02/2024
Sem categoria

Bloco Tradicional Reis da Liberdade define tema para 2013:No País da Tropicália a Majestade é Musical




Tema
: No País da Tropicália a Majestade é Musical
SINOPSE:
O Tropicalismo foi uma manifestação musical surgida no Brasil no final da década de 1960. O Movimento que influenciou outras esferas culturais como as artes plásticas, o cinema e a poesia teve como marco inicial o festival de música popular realizado pela TV Record em 1967. Dentre seus principais representantes, podemos destacar Gilberto Gil, Caetano Veloso, Jorge bem, Gal Costa e Maria Bethânia. Há estudiosos que defendem ser Carmem Miranda a grande percursora do movimento.
Por ter brotado no auge da ditadura militar e não representar um movimento de cunho político recebeu severas críticas daqueles que acreditavam ser a música uma importante arma de protesto político. Contudo, apesar das críticas recebidas pelos que defendiam ser a música uma importante arma de protesto, o movimento representou uma relevante inovação estética musical promovendo o sincretismo entre vários estilos musicais, tais como o rock, a bossa nova, o baião, o samba, o bolero, entre outros.
Por outro lado, a fidalguia marcante nas indumentárias dos blocos tradicionais nos impõe a manter a magia dos reinados tão distantes de nossa atual realidade, porém infinitamente viva no imaginário popular de nossa cidade, fator que, aliás, contribui para a grandiosidade de nossos Blocos Tradicionais, um dos mais importantes segmentos de identidade cultural de São Luís.
Assim, valorizando a musicalidade que encanta e embala o povo brasileiro desde o seu processo de formação, “Os Reis da Liberdade” traz para o bojo de sua fidalguia momesca, na temporada 2013, o tema “No país da Tropicália a majestade é musical”, uma singela homenagem a esse movimento que significativamente contribui para o desenvolvimento da música popular brasileira, dando à nossa música uma fisionomia multifacetada reveladora dos mais variados aspectos regionais espalhados nesse imenso mosaico chamado Brasil.
Para isso o bloco em seu desfile na Passarela do Samba exaltará toda sua brasilidade utilizando a força da diversidade musical brasileira como instrumento de aproximação entre todos os presentes no anel viário, da plateia aos jurados, dos ambulantes aos demais expectadores, transformando a passarela num verdadeiro universo tropical, onde com o Brasil se canta , dança e encanta.  
Itamilson Lima

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.