19/05/2024
Sem categoria

SILVIO SANTOS NÃO É MAIS DO BAÚ DA FELICIDADE

Silvio Santos vende Baú da Felicidade para Magazine Luiza por R$ 83 mi

A rede de varejo Magazine Luiza anunciou nesta segunda-feira (13) o acordo comercial para aquisição das lojas do Baú da Felicidade, do Grupo Sílvio Santos,pelo valor de R$ 83 milhões, operação esta que envolve 121 lojas em São Paulo, Minas Gerais e Paraná, além de 3 milhões de clientes que serão adicionados à base de cartões da rede.

O valor da operação considera “que as lojas não terão nenhuma dívida ou caixa a serem pagos integralmente na data de fechamento da transação”, prevista para 31 de julho, afirma o Magazine Luiza em comunicado.

A companhia informou que algumas unidades do Baú podem ser fechadas, vendidas, transferidas ou integradas a outras do Magazine Luiza para evitar sobreposição em determinadas cidades. Parte das unidades adquiridas, principalmente no Paraná, também deve ser convertida em lojas virtuais.

“Com essa aquisição, o Magazine Luiza aumenta sua área total de vendas em mais 46 mil metros quadrados, equivalentes a cerca de 11% da área de vendas atual”, acrescenta o documento.

O Magazine Luiza espera integrar as lojas nos próximos seis meses, sendo que a aquisição ainda deverá ser aprovada em assembleia de acionistas.

Em 2010, as 121 lojas do Baú da Felicidade tiveram receita bruta de R$ 415 milhões, equivalente a R$ 9 mil por metro quadrado, enquanto as lojas físicas do Magazine Luiza faturaram R$ 14,2 mil por metro quadrado no período.

Em novembro do ano passado, a descoberta de inconsistências no balanço do banco PanAmericano (BPNM4), também parte do Grupo Silvio Santos na época, levaram o empresário controlador a fazer um aporte de R$ 2,5 bilhões na instituição, desencadeando processo de venda de ativos do grupo.

Em 31 de janeiro, o banco BTG Pactual anunciou a compra do controle do PanAmericano por R$ 450 milhões.

Na ocasião, as lojas do Baú da Felicidade despertaram interesse do bilionário mexicano Ricardo Salinas, dono da rede de eletrodomésticos Elektra e do Banco Azteca, e da MM Mercadomóveis, varejista da região Sul do país, mas nenhuma oferta chegou a ser apresentada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.