20/04/2024
Sem categoria

Candidato a Rei Momo não aceita derrota e cria confusão em São Luís

Vitor Mendes acusou júri de favorecer estudante Cadu Rodrigues.
Após tumulto, Func diz que reforçará segurança nos próximos anos.
Clarissa Carramilo e Zeca SoaresDo G1 MA

 Após a confusão no concurso Miss Amazonas, foi a vez da escolha da Corte Momesca de São Luís terminar em tumulto. No baile realizado na noite desta sexta-feira (6), o candidato Vitor Mendes não aceitou bem a derrota para o estudante Cadu Rodrigues, tomou o microfone de um dos organizadores e protestou, acompanhado de outro candidato.
O vídeo mostra Vitor acusando o júri do concurso de favorecer o estudante. “Eu quero saber se isso é certo, entendeu? O Cadu fez a panelinha dele conforme ele fez em 2011. Todos os jurados que estão aqui… É dele, pô!”, dispara.
Corte Momesca do Carnaval 2015 de São Luís (Foto: Lauro Vasconcelos / Prefeitura de São Luís)Corte Momesca do Carnaval eleita em 2015
(Foto: Lauro Vasconcelos / Prefeitura de São Luís)
Ao ser abordado por seguranças, Vitor resiste e chega a jogar um dos homens do palco.
A médica veterinária Nayanna Galvão, que registrou o vídeo da confusão, disse ao G1 que os derrotados agrediram verbalmente o eleito e fisicamente um dos organizadores.
“A festa tava tão linda, mas dois candidatos não aceitaram a derrota e quiseram repetir a pataquada que foi o Miss Amazonas. Incrível como só copiam o que não presta!”, declarou.
Segundo Nayana, a festa, que deveria ter continuado, foi interrompida no momento da premiação. “A partir daí, o tumulto tomou conta geral e a festa acabou mais cedo. Havia polícia, mas não o suficiente para conter tamanha baixaria. Eu que nunca tinha ido a uma eleição dessa, fiquei horrorizada com tanta falta de respeito”, revelou.
Em nota, a Fundação Municipal de Cultura (Func) lamentou o ocorrido e disse que vai reforçar a segurança nos próximos eventos de Carnaval. Leia a íntegra da nota abaixo:
A Fundação Municipal de Cultura (Func), lamenta o tumulto provocado ao final do concurso da corte, promovido pelo candidato Vitor Mendes, e reitera a lisura do certame, bem como a competência do júri técnico escolhido.
O presidente da Func, Marlon Botão, garantiu a tranquilidade e o reforço da segurança nos próximos bailes para a realização de um Carnaval com alegria e paz.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.