19/05/2024
Sem categoria

NOTA DE REPÚDIO DO SINDICATO DOS JORANALISTAS PROFISSIONAIS DE SÃO LUÍS

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais de São Luís vêm a público repudiar, com veemência, a absurda agressão perpetrada pelo Sr. José Pereira Godão contra o companheiro Joel Jacinto, repórter do Jornal Pequeno e da Rádio Educadora do Maranhão, durante a divulgação do resultado final dos vencedores da etapa classificatória maranhense para escolha do samba-enredo da Escola de Samba Beija-Flor de Nilópolis, que tem como tema os 400 anos de São Luís. Ao se utilizar de um microfone para proferir impropérios e ofensas gratuitas contra um jornalista, o Sr. José Pereira Godão, em primeiro lugar foi covarde, já que o ofendido não dispunha de meio equivalente para se defender. Além disso, desrespeitou o público presente, que estava ali para se divertir e incentivar os autores de sua preferência, e não para ouvir palavrões, alguns impublicáveis. Joel Jacinto é um jornalista exemplar que, no exercício profissional, tem dado inequívoca contribuição para o engrandecimento dos nossos valores culturais. Ao execrá-lo, o senhor Godão ofende, por extensão, a categoria, a qual Joel Jacinto representa tão dignamente; também a cultura do Maranhão, da qual ele, Godão, se diz porta-voz, mas age como se fosse dono; e em última instância fere de morte o Estado Democrático de Direito, que tem entre seus pilares a liberdade de expressão, assentada na soberana atuação da imprensa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.