22/05/2024

“Por Elas 2023” leva serviços de saúde e promoção à cidadania aos moradores do Maracanã

Realizada na UEB Joaquim Pinto, a ação social beneficiou mais de 500 pessoas, com atendimentos de saúde, ações de acolhimento às mulheres vítimas da violência e ainda palestras visando a conscientização da população sobre o combate permanente à violência contra a mulher. 

A realização do “Por Elas 2023” contou com parcerias importantes, como a Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Poder Judiciário do Estado do Maranhão (CEMULHER), Centro Universitário Anhanguera a ONG Elas Faz, a ONG Menstrual, Projeto Sorrisos do Bem e o Conselho Tutelar. Ações dessa natureza costumam impactar diretamente na vida da comunidade.

Mais de 500 moradores e moradoras da região do Maracanã foram beneficiados pela ação social “Por Elas 2023”, organizada pelas empresas KW do Brasil, CMPC Industrial e Montisol, no último dia 19. Instaladas na zona rural da cidade de São Luís-MA, as empresas levaram à população local, atendimentos especializados de saúde, serviços gratuitos de promoção à cidadania, ações de acolhimento às mulheres vítimas da violência e palestras de profissionais sobre a conscientização das famílias para o enfrentamento e o combate da violência doméstica.

A programação principal foi voltada para o promover o enfrentamento à violência contra a mulher. Entre os serviços de saúde preventiva realizados estão a atualização vacinal, testagem rápida, aferição da pressão arterial e glicemia, além de serviços odontológicos, como a aplicação de flúor e higienização bucal, e distribuição de kits de higiene. O “Por Elas 2023” proporcionou ainda à população, a emissão da segunda via do registro de nascimento e palestras sobre educação ambiental.

Houve ainda palestras ministradas por representantes do Conselho Tutelar, participação do Projeto Ativismo Menstrual e orientações com a Ouvidoria da Mulher do Tribunal de Justiça do Maranhão. Uma roda de conversa reuniu ainda líderes comunitários, professores e agentes comunitários que dialogaram e apresentaram demandas e estudo de soluções às comunidades. A Ouvidoria da Mulher mediou a roda de conversa, apresentando os serviços disponíveis para a sociedade e ouvindo as demandas locais relacionadas à violência doméstica e familiar.

A realização do “Por Elas 2023” contou com parcerias importantes, como a Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Poder Judiciário do Estado do Maranhão (CEMULHER), Centro Universitário Anhanguera a ONG Elas Faz, a ONG Menstrual, Projeto Sorrisos do Bem e o Conselho Tutelar. Ações dessa natureza costumam impactar diretamente na vida da comunidade.

Para o gestor de ESG da Montisol, Fernando Braga, “as agendas de grandes empresas, dos mais variados nichos de atuação, estão se movimentando cada vez mais em direção a uma gestão que reconheça o social como pauta de importante atenção”. Segundo o gestor, “a Montisol vem cumprindo o seu papel social, a partir de uma escuta ativa dentro das comunidades, atento às suas principais dores, o que serve de ponto de partida para o nosso planejamento social. O “Por Elas 2023” já é uma resposta a estas necessidades, trazendo palestras informativas, emissão de documentos, momento de lazer para as crianças, palestras e cursos profissionalizantes e serviços de saúde”, finalizou Fernando Braga.