20/04/2024

Renato projeta o Brasileirão e vê Grêmio no mesmo nível dos rivais

Um dos maiores (e pertinentes) questionamentos sobre o Grêmio desde o início da atual temporada é como o time irá reagir no seu retorno ao Campeonato Brasileiro da Série ALogo depois da conquista do Gauchão e a aproximação da estreia, o tema voltou a ganhar força. Na avaliação do técnico Renato Portaluppi, que foi expressa em entrevista coletiva, não existe nenhum favorito ao torneio.

Renato fez questão de destacar que tem acompanhado os futuros adversários e entende que o Tricolor está em pé de igualdade com aqueles que considera como os principais oponentes.

– Eu tenho visto muitos jogos do futebol brasileiro e, com todo respeito as outras equipes, hoje o
Grêmio não está devendo a nenhuma equipe do futebol brasileiro. O Grêmio não fica devendo. Dizem que, quando começar o Brasileiro, a gente vai saber. Vamos saber, vamos medir forças. Hoje, acho difícil que alguém consiga apontar, por exemplo, quem vai ser o campeão do Brasileiro. O que vai acontecer a gente não sabe, mas vamos trabalhar pra sermos campeões.

Dentro da atual conjuntura do elenco, a contratação de Luis Suárez vem se demonstrando importante não apenas em números (11 gols e quatro assistências), mas também no aspecto comportamental durante os trabalhos diários. Recebendo, inclusive, elogios rasgados do treinador gremista:

– Elogiar o Suárez porque ele deixou o Grêmio ainda mais gigante. É um cara que não gosta de perder nem treino. É um prazer trabalhar com um cara que você olha nos olhos dele e, mesmo consagrado, ainda tem fome de conquistar mais. Tenho certeza que ele ainda vai nos ajudar muito.

Apesar do contamento com o trabalho até aqui, o comandante do Tricolor reconhece que seus pedidos por reforço junto a diretoria são constantes, sempre respeitando as questões financeiras e o real valor das possíveis aquisições:

– Temos um grupo bom, mas, se pudermos acrescentar mais nomes, sempre serão bem-vindos. Estamos sempre trocando ideias, sabendo as condições financeiras do clube. Sempre que a diretoria puder me dar um jogador que vai acrescentar, é melhor pra todo mundo.